education_image

Por Andrew Bosworth, vice-presidente da Plataforma de Anúncios e Negócios

A maioria das notícias e informações que lemos online, bem como jogos, vídeos e outras coisas que apreciamos na internet, são sustentadas pela publicidade. Cada vez mais pessoas têm acesso a mais conteúdo, quase sempre gratuitamente, porque os editores e desenvolvedores responsáveis pelos nossos sites e aplicativos favoritos dependem da publicidade para pagar as contas.

No entanto, uma das opiniões que recebemos do público se refere ao fato de que muitos dos anúncios são irritantes, enganosos ou causam distração. Consideramos que as empresas podem fazer melhor, por isso, nos concentramos em aprimorar os anúncios dentro e fora do Facebook.

Há dois anos, por exemplo, apresentamos a Rede de Públicos do Facebook para apoiar editores e desenvolvedores e seus serviços, mostrando anúncios relevantes e de alta qualidade para as pessoas que acessam seus sites e aplicativos. Anteriormente, só exibíamos anúncios nesses locais para as pessoas que tivessem conta no Facebook. Atualmente, ampliamos a Rede de Públicos de modo que os editores e desenvolvedores possam mostrar anúncios melhores para todos, inclusive para as pessoas que não usam ou que não estejam conectadas ao Facebook.

Todos nós passamos por essa experiência. Você abre um artigo de notícias no navegador da Web do celular e a página demora muito a carregar. Quando a página é exibida, o artigo está coberto por um anúncio. Provavelmente, haverá um “x” minúsculo para ocultar o anúncio, mas se você tocar no lugar errado, será redirecionado para uma loja de aplicativos ou para outro site. Não se sabe ao certo quem é o responsável pelo anúncio e nem mesmo se é seguro acessar o site para o qual você foi redirecionado.

A publicidade pode ter vindo para ficar, mas não há lugar para experiências ruins como esta. É por isso que estamos trabalhando para aprimorar a experiência de publicidade online para todos: pessoas, editores e anunciantes.

De que forma oferecemos melhores anúncios e damos controle às pessoas?Atualmente, embora mais de uma centena de empresas veiculem anúncios com base em interesses nos sites e aplicativos, nós podemos oferecer uma experiência melhor porque a integridade dos anúncios do Facebook é importante para nós.

Revisamos os anúncios de acordo com nossos padrões para garantir que eles respeitem ao máximo a experiência do público. Por exemplo, não permitimos anúncios que incluam som, a menos que você interaja com eles. Além disso, não permitimos anúncios enganosos ou de produtos e serviços considerados perigosos. Desenvolvemos uma tecnologia para determinar quando uma pessoa clica acidentalmente em um anúncio no dispositivo móvel. Dessa forma, uma pessoa não será direcionada para um site ou aplicativo que não pretendia visitar.

Oferecemos a todas as pessoas o controle completo sobre os anúncios que visualizam, incluindo ferramentas que permitem optar por não receber publicidade baseada em interesses. Se tiver uma conta, você pode usá-la diretamente nas configurações do Facebook. Sua escolha é respeitada em todos os lugares que utilizam nossa plataforma para publicidade.

As preferências de anúncios também nos ajudam a criar uma melhor experiência para as pessoas, exibindo melhores anúncios para todos dentro e fora do Facebook. Com uma conta, qualquer um pode editar as preferências de anúncios para nos informar se pretende visualizá-los com base em interesses específicos, como viagens ou programas de televisão. Agora, você pode optar por não visualizar anúncios em aplicativos ou sites não oferecidos pelo Facebook, com base em suas preferências de anúncios. Para fazer isso, acesse as configurações do Facebook ou toque no ícone AdChoices, ao lado de um anúncio da Rede de Públicos.

Juntos, esperamos que esses esforços ajudem a melhorar a experiência de publicidade online para todos. Para saber mais sobre os anúncios do Facebook, visite a nova seção de Noções Básicas de Privacidade e a nossa Política de Cookies atualizada.