Por Antigone Davis, Diretora Global de Segurança

Hoje estamos anunciando novas ferramentas para prevenir o assédio – parte dos nossos esforços contínuos para ajudar a construir uma comunidade segura no Facebook.

Com base nos comentários de pessoas que usam o Facebook, bem como organizações que representam grupos que sofrem assédio de forma desproporcional como mulheres e jornalistas, estamos apresentando novos recursos que:

  • Proativamente identificam e ajudam a evitar contatos indesejados – como solicitações de amizade e mensagens – quando alguém que você bloqueou configura uma nova conta ou tenta contatá-lo de outra conta que controla;
  • Fornecem a opção de ignorar uma mensagem do Messenger e a movem automaticamente para fora da caixa de entrada de uma pessoa, sem ter a necessidade de bloquear quem a enviou;

Nossas políticas já proíbem o bullying e o assédio no Facebook. As pessoas podem nos informar quando vêem algo preocupante ou têm uma experiência ruim. Analisamos as denúncias e agimos quando há abuso, removendo conteúdo, desabilitando contas e limitando determinados recursos como a possibilidade de postar comentários para pessoas que violaram nossos Padrões da Comunidade. As pessoas também podem controlar o que compartilham, com quem compartilham e quem pode se comunicar com elas.

Prevenindo contato indesejado

Ouvimos relatos de pessoas que bloquearam contas, mas encontraram o mesmo agressor usando uma conta diferente. Para ajudar a evitar esses encontros ruins, vamos adicionar aos recursos existentes que evitam contas inautênticas no Facebook.

Esses recursos automatizados nos ajudam a desativar contas mais rapidamente e a bloquear milhões de contas falsas antes mesmo que consigam se registrar. Entretanto, uma nova conta criada por alguém que ja tenha sido bloqueado pode não ser pega por essas ferramentas.

Agora estamos usando vários sinais (como um endereço IP) para nos ajudar a reconhecer proativamente esse tipo de conta e impedir que envie uma mensagem ou pedido de amizade para a pessoa que bloqueou a conta original. A pessoa que bloqueou a conta original está no controle, e deve iniciar contato com a nova conta para que eles possam interagir normalmente.

Ignorando mensagens

Se alguém está sendo assediado, bloquear o agressor às vezes provoca um assédio adicional, particularmente fora do ambiente virtual. Também ouvimos de grupos que trabalham com sobreviventes de violência doméstica que ser capaz de ver as mensagens muitas vezes é uma ferramenta valiosa para avaliar se há risco de abuso adicional.

Esse novo recurso remove as notificações que acompanham as mensagens, mas não exige um bloqueio. Quando você ignora uma mensagem do Messenger, ela aparece na sua pasta de solicitações filtradas e não na sua caixa de entrada. Para utilizar o recurso, basta selecionar a mensagem, tocar na opção “Mais” e escolher “Ignorar”. Quando usado, o recurso permitirá que você leia as mensagens sem que o remetente saiba se elas foram vistas ou lidas. Ignorar uma mensagem também irá ocultar as notificações de novas mensagens na conversa. Essa funcionalidade já está disponível para conversas individuais e em breve estará disponível para mensagens em grupo também.

Trabalhando com especialistas

O Facebook trabalha com especialistas em diversos campos para fornecer recursos de segurança à nossa comunidade. Trabalhamos com mais de 150 especialistas em segurança no último ano no Brasil, Índia, Irlanda, Quênia, Holanda, Espanha, Turquia, Suécia e EUA para obter comentários sobre maneiras de como podemos melhorar.

Também organizamos mesas redondas pelo Projeto Facebook para Jornalismo para aprender mais sobre experiências únicas da comunidade jornalística no Facebook. Isso culminou em recursos para jornalistas para ajudá-los a proteger suas contas e eles próprios no Facebook, além dos anúncios de hoje.