Por Ime Archibong,vice-presidente de Parcerias de Produtos

Hoje, anunciamos nosso acordo com a Comissão Federal de Comércio (FTC, na sigla em Inglês). Como parte desse acordo, estaremos operando sob um novo marco para proteger a privacidade das pessoas e as informações que elas compartilham conosco.Isso vai exigir uma mudança central na maneira como trabalhamos. Como primeiro passo sob esse novo marco, estamos anunciando uma ação que afeta dezenas de parceiros que tinham acesso a dados para construir experiências no Facebook ou recursos para seus dispositivos que deveriam ter sido descontinuados. Esses recursos permitiam as pessoas se conectarem com seus amigos no Facebook usando outros aplicativos, ou que elas sincronizassem as informações de contato de seus amigos no Facebook em sua lista de contatos do telefone e calendário.

Histórico

Por mais de uma década, o Facebook tem operado com a filosofia de que as pessoas podem ter melhores experiências quando seus dados no Facebook estão disponíveis para elas enquanto usam outros serviços. Isso nos levou a formar parcerias e integrações com empresas Blackberry e Yahoo. Fomos bastante abertos sobre isso. Essas experiências foram amplamente divulgadas pela imprensa, promovida pelas empresas e usadas por milhões de pessoas.

Desde abril de 2018, temos revisto as formas como permitimos que as pessoas compartilhem seus dados com outras empresas. Realizamos proativamente essa revisão em resposta à investigação da FTC e pelo desejo de reforçar nossas proteções de privacidade. Essa revisão envolve um processo manual que inclui o exame de milhões de linhas de código. Temos explicado que essa revisão provavelmente traria luz à alguns problemas, e estamos comprometidos em ser transparentes quando os encontrarmos.

Como parte desse esforço, anunciamos no fim de 2018 que iríamos encerrar gradualmente e descontinuar muitas dessas integrações que construímos com parceiros. Recentemente, um terceiro nos alertou sobre uma falha, o que nos levou a investigar e descobrir que, infelizmente, nossa base de códigos ainda permitia o acesso a dados por alguns desses parceiros. Embora não tenhamos encontrado evidência de qualquer dado tenha sido usado em violação a nossas políticas, hoje estamos restringindo esse acesso.

De 12 parceiros que identificamos como ainda tendo acesso a dados, apenas dois, a Microsoft e a Sony, continuaram a acessar tipos limitados de dados de amigos. Trata-se de códigos antigos suportando experiências conhecidas para as pessoas, como a que permiteusar o Facebook em gerações iniciais do PlayStation (PS3 ou Vita) ou sincronizar a informação de contato de amigos com outros serviços. Com base em compromissos anteriores que assumimos, estamos encerrando o acesso desses parceiros a dados de amigos imediatamente. Isso foi um erro nosso, e estamos corrigindo isso.

O que estamos fazendo

Como anunciamos anteriormente, estamos fazendo uma revisão de aplicativos na nossa plataforma e removendo uma porção significativa de acesso existente a interface de programação (API). Em conjunto com esse trabalho em curso, vamos continuar a tomar medidas adicionais para segurança e para aumentar a integridade da plataforma de forma geral, por exemplo:

  • Introduzimos uma nova suíte de controles para as pessoas gerenciarem os aplicativos que elas usam com o Facebook.
  • Estamos gratificando pessoas que nos alertam sobre mau uso de dados por desenvolvedores de aplicativos na nossa plataforma.
  • Implementamos um novo processo de revisão para cada nova API ou expansão de APIs existentes em toda a companhia.


Essa revisão e os novos sistemas que construímos estão sujeitos a mais supervisão e um processo de conformidade legal.

O que esperamos olhando para frente

Sob o novo marco exigido pela FTC, seremos responsáveis e transparentes sobre o reparo de produtos antigos que não funcionam como deveriam e no desenvolvimento de novos produtos a um padrão mais elevado. Isso significa que inevitavelmente encontraremos exemplos de situações em que nossos produtos podem ser aperfeiçoados, onde o acesso a dados pode ser restringido, e seremos transparentes em instâncias em que ficamos aquém do esperado.